Dias bonitos/memoráveis e opções conscientes!

Fazer por fazer, porque é costume/tradição, porque todos fazem, não é bem o lema da casa, nem nunca foi! Temos mau feitio dizem alguns, outros dirão que somos do contra, outros que temos a mania de querer ser diferente mas, no fundo, procuramos, apenas, ser coerentes e fieis à forma com vivemos no dia a dia e nos valores que tentamos transmitir à pequenada. Procuramos abrir-lhes horizontes, que vislumbrem “caminhos”, que conheçam as opções, mantendo a sua, e a nossa, mente aberta, aceitando, sempre que possível, as suas escolhas/desejos, conscientes da nossa responsabilidade nos compromissos que decidem, por sua vontade, assumir. Opções cada um toma as que quer, quando quer, mas escolher pelos outros é algo que acarreta muita responsabilidade e uma liberdade que chamo de “condicionada” e depois há ….a coerência nos atos: momentâneos, presentes e futuros. Se podíamos ser diferentes? Claro que podíamos, mas não seria a mesma coisa … e lá se ia a nossa coerência mas poupar-nos-ia, provavelmente, muitas perguntas e alguns olhares “estranhos”
Pimpolha mais velha andava há uns tempos a dizer que se queria batizar, pequeno do meio juntou-se ao pedido, e acrescentou a sua força, a mais pequena foi mais na onda “se os manos vão, eu também vou!” mas sem saber bem ao que ia. Os pequenos escolheram, cada um, os seus padrinhos e … foi um 3 em 1, manos abençoados e satisfeitos, ainda para mais contando com a presença dos que nos são mais próximos! FESTA!!!!

O tempo é o que fazemos/escolhemos fazer dele! Por ser precioso, por vezes, o melhor que podemos oferecer aos outros é, tão só e, apenas um bocadinho do nosso tempo! 

(velas decorados pelo papás – seguindo as preferências/indicações dos pequenos. Ao meio a do pequeno, à esquerda a da pimpolha mais velha e à direita a da pimpolha mais nova)

 As lembranças
 (2 círculos, 1 triângulo, 1 olho e temos pássaro – fácil, fácil! Utilizámos cartolinas estampadas)

(umas casinhas rústicas, bastante imperfeitas, mas pintadas e/ou forradas com tecido, por nós)

  Os marcadores de mesa
( Casas verdadeiras de pássaros pintadas e forradas com tecido e a sua réplica em cartolina)
 Um mimo para a criançada (e para alguns adultos também) 
(árvores de gomas – uma bola de esferovite, palitos para espetar as gomas, 3 paus de espetada a servir de tronco, esferovite alta e ao tamanho do copo/recipiente para suportar o peso da árvore e smarties para encher o recipiente (forrar a parte superior da esferovite, usámos um guardanapo)

 Bolo de batizado
(Não, não fomos nós que fizemos, uma obra prima deste calibre está fora do nosso alcance :O )


Porquê os pássaros? Liberdade de escolha e o apoio/refúgio/suporte que representam a família/casa nas decisões que tomamos. Simbolismos e pancas nossas!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s