Nas ruínas

Ao passar na estrada, deparámo-nos com umas ruínas que pareciam ser de um castelo/fortaleza. Decidimos parar para explorar … Muitas silvas, balsas, algumas caganitas de cabra e pequenada entusiasmada! O sítio ideal para esconder um tesouro, pensámos. De volta ao carro para ir buscar o tablet e procurar se haveria ali algum cache e … nunca falha! Et voilá … família em busca do tesouro escondido nas ruínas e túneis… voltámos ao carro, era preciso uma laterna. Pequeno do meio ao rubro, seguido de perto pela pimpolha mais nova, que com o entusiasmo espetou um pico no dedo, e pimpolha mais velha refilava entre dentes “Isto é um pouco assustador” mas seguia curiosa atrás dos manos. Depois de uns largos minutos, lá estava ele bem escondido, e o ar de triunfo na cara da pequenada. Soma e segue, mais uma cache e um fim de tarde bem passado!

Não é um castelo nem uma fortaleza mas as ruínas do Sanatório Grandella. Nunca esteve em funcionamento pois a sua construção, que teve início em 1918, nunca foi concluída. 36 quartos para internamente gratuito destinado a doentes com tuberculose e todas infraestruturas de apoio. Um projeto ambicioso e dispendioso para a época que caiu por terra por falta de $$$ 
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s